Foto de Fernando Arcos no Pexels

Esse é o segundo artigo da série “O CAMINHO DOS DADOS — NOVAS PERSPECTIVAS DE UMA VIDA ONLINE” .

Uma abordagem sobre os INCIDENTES DE SEGURANÇA classificados de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) e com o Marco Civil da Internet (Lei nº. 12.965/2014), e critérios da Autoridade Nacional de Dados Pessoais (ANDP) — órgão responsável por fiscalizar e aplicar as penalidades aos responsáveis pelo tratamento de dados pessoais.

Vive-se a 4ª Revolução Industrial, conhecida como era tecnológica e iniciada em 1997, após o advento dos computadores — o que ganhou força pela sua produção em série e tração das tecnologias digitais impulsionadas pela internet.

O século inaugurado pelos smartphones é tempo de mudanças…


Foto de Markus Spiske no Pexels

Nessa série, de 3 artigos sobre os impactos da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais _ LGPD (Lei nº.13709/2018), você vai percorrer parte do caminho dos dados e desafios para a proteção da privacidade.

A mudança de paradigmas e de comportamentos, sobretudo em virtude do contexto social causado pela pandemia de coronavírus, acelerou a preocupação das pessoas e das empresas em relação ao caminho dos dados coletados e compartilhados em plataformas digitais.

2020 além de ter sido o ano em que a vida em sociedade se tornou cada dia mais “online”, foi o ano em que entrou em vigor, no Brasil, a lei geral de proteção de dados pessoais — conhecida como LGPD (Lei nº.13709/2018). E não obstante ter ganhado validade e imperatividade jurídica em setembro de 2020, as penalidades relacionadas ao descumprimento da…


Foto de Vital1na no Pexels

Na percepção da experiência do usuário, as cidades são plataformas de interação humana interconectadas por uma infinidade de variáveis sociais, políticas e econômicas moldadas ao longo do tempo pela cultura e pelos costumes dos seus habitantes. Um espaço que se altera e se adapta, constituindo um palco para a interminável disputa entre as tradições de uma ancestralidade histórica, e as necessidades de mudança impostas pela constante renovação dos desejos humanos e transformações da natureza.

Não é pouco e nem poderia ser. Para o UX, a cidade é um ecossistema vivo e pulsante em que acontece uma jornada fundamental para…


Foto de Pixabay com Pexels

Em um ecossistema movido pelo digital, a busca pelo desempenho imediato com base na cultura de performance muito pautada pelo marketing, demandou a digitalização de processos para dar mais agilidade na tomada de decisões.

O tempo de resposta às mudanças demandadas foi se tornando cada vez mais curto. A tecnologia permitiu que um projeto que levaria mais de um ano para ser desenvolvido, pudesse estar disponível em uma semana. Era correr ou perder o bonde.

A corrida pela eficácia acabou ditando o ritmo da eficiência. A cada dia, uma nova variante de performance dos funcionários nessa corrida pela corrida era…


A definição desses objetivos e dos indicadores de performance são fundamentais para a percepção da empresa como uma experiência confiável.

Objetivos estratégicos são os resultados que uma empresa planeja alcançar em determinado período, tendo como referência sua missão e visão. A partir deles, são definidos os indicadores de desempenho, além das metas e planos de ação.

A missão da Nike é “proporcionar inspiração e inovação a todos os atletas do mundo”, e a empresa considera que quem tem um corpo é um atleta. A Disney, tem a visão empresarial de “criar um mundo onde todos possam se sentir crianças.”

A…


Foto de Athena no Pexels

Este artigo é referente ao episódio UX Research para cidades inteligentes, do Podcast UXcoffee, que traça um paralelo entre o universo do UX Research para Cidades Inteligentes, explorado na última edição do UXcoffee Conversa Estruturada, e a experiência urbana que o Elevado João Goulart, o popular Minhocão, oferece ao cidadão paulistano.

De um lado a busca por uma cidade que se desenvolve para e com as pessoas, e de outro um case de mobilidade às avessas em que uma decisão tomada por poucos impactou a vida de milhares de pessoas, que jamais foram ouvidas.

Como você vê a importância…


Imagem: http://greencapacity.ru/

É cada vez mais comum ouvirmos o termo cidades inteligentes, mas você realmente sabe o que é isso?

Neste artigo você verá:

Cidades inteligentes e conectadas

Investimentos em Smart Cities

Urban Interaction Design Towards City

Estudos sobre as emoções das pessoas

Espaço e sentimento

Playable City Awards

Integração Big Data, internet e cidades

Links para leitura complementar

Boa experiência

É cada vez mais comum ouvirmos o termo cidades inteligentes. E o que até pouco tempo era visto apenas como um conceito que iria surgir em um futuro distante, tornou-se uma realidade com casos de sucesso sendo aplicados em vários lugares…


Foto: Canva Studio no Pexels

A preocupação com experiência do usuário começa na cultura de trabalho de cada empresa.

Você vai ver neste artigo:

Evolução das relações de trabalho

De empregados a colaboradores

Cultura de UX e coworking

Cultura Colaborativa

Inteligência coletiva

Home Office

Inovação X obviedades

Boa experiência!


Foto de Lukas no Pexels

O Open Banking é uma transformação que vai impactar um sistema que não se limita ao financeiro.

Há alguns anos, resolver qualquer questão que envolvesse um banco trazia outro problema: o próprio banco. Hoje os bancos como instituição têm um desafio diferente das filas: tornar-se invisível.

Você vai encontrar neste artigo:

O que é Open Banking

O cenário do sistema financeiro atual

Bancarizados e desbancarizados

Avanços digitais no isolamento

Novos meios de pagamento

Fintechs e PME

Sistema aberto, bancos invisíveis

Oportunidade para um novo normal

Boa experiência!

Foram os bancos que nos mostraram a internet como um meio seguro para…


Arquivo DUXcoworkers

Este artigo acompanha o episódio homônimo do Podcast UXcoffee.

A Era Digital deixou a vida mais corrida. Tudo parece ser “pra ontem”. Aliás, se é para ontem já há o risco de não servir. Melhor dizer que tudo é para agora, mas esse agora já não cabe nas agenda cheias de compromissos e reuniões e job to be done.

Job to be done. Há algum tempo, não muito, a metodologia “criada” por Clayton Christensen vem sendo festejada como o futuro “a ser feito”. Pode ser, por que não? …

DUXcoworkers

Todo mês, 01 artigo da DUXcoworkers.com sobre os assuntos: pessoas e trabalho, economia e tecnologia e cidades inteligentes. #servicedesign #userexperience

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store